Seu relacionamento é abusivo?

Olá, tudo bem por aí?


Hoje eu gostaria de falar sobre um assunto muito sério que infelizmente é tratado como um tabu por boa parte da mídia ou sociedade, os relacionamentos abusivos.


Tenho notado cada vez mais no consultórios queixas referentes a esse tema, e tenho também percebido que algumas pessoas aceitam comportamentos dos parceiros muitas vezes criminosos, de forma passiva.


Todo tipo de relacionamento onde uma das partes usa de violência física, psicológica, tortura ou meios extorsivos e tolhedores de liberdades individuais é um relacionamento abusivo, além do mais, em muitos casos as coisas são graves, a ponto de existir não um, mas vários crimes envolvidos.


Engana-se quem pensa serem abusadores somente os homens, verdade que o comportamento violento é mais comum do gênero masculino, no entanto, muitas mulheres também mantém relações de abuso com seus companheiros ou companheiras, especialmente em relação ao abuso psicológico e extorsões diversas.


Em muitos casos, a vítima sequer percebe estar vivendo em um relacionamento abusivo, confunde tais atos com amor, em muitos casos pessoas preferem manter tais relacionamentos por medo do agressor, agressora ou mesmo pavor da solidão.


Baseado em casos reais ouvidos no consultório, além de relatos de colegas e amigos, elaborei um pequeno questionário com algumas das situações abusivas mais comuns que tenho percebido.


Caso você responda afirmativamente a qualquer uma das perguntas abaixo, eu sinto informar, mas você vive em um relacionamento abusivo! Termine com a relação e busque ajuda com amigos, familiares ou profissionais, em muitos casos é necessário que o ocorrido seja investigado, judicialmente inclusive.


Vamos ao questionário: Seu parceiro ou parceira:


Te agride fisicamente?


Te agride psicologicamente por exemplo inventando apelidos, ou com xingamentos constantes?


Exige qualquer tipo de compensação financeira ou “mesada” para manter o relacionamento? Exemplo pagar boletos, faculdade, academia, aluguel…


Impede que você tenha amigos ou amigas?


Impede que você encontre seus amigos, familiares ou qualquer outra pessoa?


Te proíbe de usar qualquer tipo de roupa, seja uma saia curta ou uma camiseta de time de futebol?

Te humilha perante outras pessoas?


Impede que você escute suas músicas de preferência, veja seus filmes, séries ou programas de TV?


Te proíbe de seguir a religião de sua preferência, assim como ter sua própria visão política?


Te impede de cursar algo ou exercer alguma profissão, seja ela qual for?


Exige acesso a suas senhas pessoais, tais como do cartão de crédito, redes sociais ou qualquer outra?


Exige verificar seu celular ou conversas privadas?


Não permite que você realize procedimentos médicos, consultas, ou algum tipo de exercício físico?


Controla sua alimentação? Te impede de comer qualquer tipo de alimento?


Trata mal seus pais, filhos, parentes ou amigos?


Exige ver seu extrato bancário ou contracheque?


Imagina-se seu/sua dono(a)?


Restringe qualquer outra de suas liberdades individuais?


Não te respeita como pessoa?


Infelizmente se você respondeu sim a qualquer uma das perguntas acima, seu relacionamento é abusivo, termine o quanto antes, você merece alguém muito melhor que irá te respeitar, se não conseguir fazer isso sozinha(o), procure ajuda.


Vamos acabar com os abusos nos relacionamentos!


Escrito por Luciano Arruda, psicólogo e fundador do Fluidez Mental, seu contato é: luciano@fluidezmental.com.br












12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo